quinta-feira, 5 de junho de 2014

Greve continua em Blumenau - Servidores Públicos Municipais decidiram em Assembleia nesta quinta-feira retirar seis itens da pauta de reivindicações. Nesta sexta-feira a greve continua com assembleia na praça da prefeitura.

Greve continua em Blumenau - Servidores Públicos Municipais decidiram em Assembleia nesta quinta-feira retirar seis itens da pauta de reivindicações. Nesta sexta-feira a greve continua com assembleia na praça da prefeitura.
17º DIA
Foto arquivo de Jaime Batista (Blog do Jaime)

Em uma grande assembleia no início da tarde desta quinta-feira (05) os servidores públicos municipais em greve revisaram a pauta de reivindicações, aprovando a retirada de seis itens. 
A proposta foi construída em uma reunião de representantes por local de trabalho, ocorrida no período da manhã. A iniciativa demonstra ao governo municipal que os trabalhadores não são intransigentes, flexibilizando principalmente as cláusulas econômicas.
Além de não apresentar uma proposta que ponha fim à greve, o prefeito Napoleão Bernardes tem desviado das reais razões que levaram mais de 3.500 servidores a cruzarem os braços.
Logo depois da assembleia, Sueli Adriano protocolou ofício no gabinete do prefeito informando a decisão da categoria e solicitando a retomada das negociações. 
Para a coordenadora geral do SINTRASEB, mais do que nunca, “o fim da greve está nas mãos do prefeito”.

PAUTA DE REIVINDICAÇÕES REVISADA

1. CLÁUSULAS ECONÔMICAS
1.1 Política de Reposição das Perdas Salariais Históricas (29,62%);
1.2 Reajuste do Vale Alimentação para R$ 18,00; 
1.3 Política de Pagamento do Passivo e dos Percentuais da Avaliação por Desempenho (1998 a 2007); 
1.4 Revisão da Tabela Salarial da Administração Direta e Indireta: Conceder, equiparar e incorporar ao salário o percentual de Gratificação - Conceder, equipar e incorporar para todos os servidores e funções sem distinção, valorizando as funções com menores salários, equiparando os salários conforme mercado de trabalho, respeitando e aplicando o Piso de cada categoria;
1.5 Plano de Cargos, Carreira e Salários da Saúde (PCCSS). Retomar discussões com a categoria e implantar após apreciação do Sindicato e da comissão;
1.6 Reajuste do Piso do Magistério na Tabela Salarial: Aplicar o mesmo reajuste do Piso Nacional – 8,32% - na Tabela Salarial do Magistério;
1.7 Hora Atividade – Implementar para todos os professores/educadores conforme Lei Piso Nacional: Aplicar o disposto no Art. 2º, § 4º da Lei 11.738: “Na composição da jornada de trabalho, observar-se-á o limite máximo de 2/3 (dois terços) da carga horária para o desempenho das atividades de interação com os educando – quando não for possível, pagamento em pecúnia; 
1.8 Férias dos Professores/Educadores ACTs – Garantir recesso sem desconto na rescisão;
1.9 Fundo para Licença Prêmio: Criar um fundo para garantir o pagamento na licença na data em que o servidor completar o decênio. 

REIVINDICAÇÕES RETIRADAS DA PAUTA:
• Alteração da Carga Horária sem prejuízo remuneratório (Administração Direta e Indireta): Garantir em lei alteração da carga horária para 6 horas diárias.
• Licença Prêmio de três meses a cada cinco anos: Garantir o pagamento ou gozo da licença em seu quinquênio, dando liberdade para servidor escolher sua preferência.
• Prêmio Assiduidade: Ampliar prêmio para as demais funções incorporando-o ao salário.
• Estágio Probatório: Alterar o período de estágio probatório de três para dois anos de avaliação. 
• Plano de Saúde: Estruturar um plano de saúde do trabalhador.
• SISREG – Dar autonomia para o sistema de cotas do SISREG.

OBS.: Mantem-se os demais ítens para discussão na Mesa de Negociação Permanente.

Confira a Pauta Completa Aqui http://migre.me/jEhHN

#AgreveContinua

8 comentários:

Andressa Fernanda disse...

E nos mães que precisamos trabalhar que sofremos com esta greve,um prato de comida ou pagar meu aluguel ninguém ta nem ai neh !!! Acho bacana batalharem pelos seus direitos porem essa greve ja ta demais neh...

Lourdes S. Farias disse...

vÃO TRABALHAR SEUS FOLGADOS,VOCÊS ESTÃO PREJUDICANDO UMA SOCIEDADE TODA,VEJAM QUANTAS FAMÍLIAS ESTÃO SEM PODER IR TRABALHAR PORQUE NÃO TEM ONDE DEIXAR SEUS FILHOS. DELES COM CERTEZA SERÁ DESCONTADO O DIA FALTADO. PONHAM A MÃO NA CONSCIÊNCIA
E LEMBRE-SE DO PRÓXIMO, UMA DIA PODERÁ SER VOCÊ A PRECISAR. E DAÍ O QUE VOCÊ FARÁ. O SR. PREFEITO TAMBÉM NÃO TEM COMPETÊNCIA ALGUMA, SENÃO JÁ TERIA RESOLVIDO O IMPASSE CADÊ OS INTELIGENTES PARECE ATÉ O "PT" QUE QUER SÓ DESTRUIÇÃO.

Anônimo disse...

#boratrabalhar

Anônimo disse...

Infelizmente temos que concordar que a saúde e a educação está um caos. Precisamos perceber que passou da hora dos servidores receberem um salário compatível com a função. Afinal, ninguém quer deixar seu filho na creche/escola com um professor sem preparo e sem condições de lecionar e cuidar. São eles quem educam e ensinam os nossos filhos, precisamos apoiá-los para que eles possam ter o digno reconhecimento e nossos filhos uma digna educação.

Anônimo disse...

Infelizmente o único prejudicado é a população, como sempre, enquanto o sindicato faz os trabalhadores de fantoches, eles levantam a mão o povo grita eles abaixam o povo fica quieto. A justiça precisa por regras em greves, porque o sindicato incita o povo que promove a quebradeira, porque não se reúnem na sede do sindicato? Até quando os sindicatos farão o povo de palhaço?

Ademir - Vila Nova

Anônimo disse...

Se faltarmos 15 dias ao serviço sofremos sansões diciplinares,o que vai acontecer com esses folgados??
Nada,pois são funcionarios publicos,sou a favor de sansões,pois após essa greve o que a gente vai passar com esses mal humorados não vai ser facil...Na delegacia ja existe um monte de papel dizendo que xingar funcionario publico é crime,e nós quando somos atendidos com toda aquela cordialidade(KKKKK)ao que temos direito???Absolutamente nada, se não lutarmos vao pisar ainda mais na sociedade...

uelton dioni moura disse...

Se a sociedade já é tão ignorante com educação! Então imagine sem.

uelton dioni moura disse...

Se a sociedade é tão ignorante com educação! Então calcule sem.