sábado, 31 de outubro de 2015

Agora vai...Nova ponte da rua Mariana Bronnemann no bairro da Velha recebe seis vigas de sustenção. A nova ponte tem um investimento de cerca de R$ 1,1 milhão.

Agora vai...Nova ponte da rua Mariana Bronnemann no bairro da Velha recebe seis vigas de sustenção. A nova ponte tem um investimento de cerca de R$ 1,1 milhão. Com 30 metros e 12 metros de largura, sendo oito metros dedicados à pista de rolamento e quatro metros aos passeios de pedestres nas laterais.
Foto de Jaime Batista (Blog do Jaime) 

Ponte da rua Mariana Bronnemann recebe vigas de sustentação
Seis peças são responsáveis pela sustentação da obra de R$ 1,1 milhão.

A nova ponte da rua Mariana Bronnemann, no bairro Velha, recebeu o lançamento das seis vigas de sustentação na última quinta-feira, dia 29. Às margens do ribeirão, os serviços foram feitos com auxílio de guindaste, pois cada peça tem 20 metros de comprimento.
Foto de Jaime Batista (Blog do Jaime) 



Sob investimento de cerca de R$ 1,1 milhão, a obra dispõe de recursos obtidos por meio de convênio entre a Prefeitura de Blumenau e o Ministério de Integração Nacional, através do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Atualmente, os trabalhos, cerca de 60% executados, estão na fase da superestrutura, que inclui a execução das vigas e da laje da ponte.

A nova ponte terá 30 metros e 12 metros de largura, sendo oito metros dedicados à pista de rolamento e quatro metros aos passeios de pedestres nas laterais. A obra irá melhorar a vazão do Ribeirão da Velha, além de contribuir para um fluxo mais seguro de trânsito, tanto aos pedestres quanto aos veículos que transitam pela região. 

Assessora de Comunicação: Denisse Lopes

Um comentário:

Belmar Behling disse...

Aqui em Itoupava Central, no final da margem esquerda, nem terminaram ainda a ponte, depois de iniciar a vários meses, já estão começando outra.
Para os moradores do Rio Bonito, são obrigados fazer alguns kms de contorno.
É claro não são os responsáveis pela obra, que precisa utilizar as pontes todo dia, que levam vários meses para terminar.