segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Preço Absurdo e local reservado na areia: Barracas vazias já estão na areia de Balneário Camboriú e o preço que era R$ 30,00 passa para R$ 180,00 na noite de hoje no Réveillon.

Preço Absurdo e local reservado na areia: 
Barracas vazias já estão na areia de Balneário Camboriú e o preço que era R$ 30,00 passa para R$ 180,00 na noite de hoje no Réveillon.
Foto de Jaime Batista da Silva

Várias barracas vazias já estão instaladas nas areais de Balneário Camboriú. Tudo isto para guardar espaço e vender este espaço por R$ 180,00 após as 19h. Até as 19h as barracas custam R$ 30,00.
Foto de Jaime Batista da Silva

Para alugar cadeira de praia e guarda sol o preço é o seguinte:
Cadeira de praia: R$ 5,00 até as 19h e depois passa para R$ 15,00.
Guarda Sol: R$ 15,00 até as 19h e depois passa para R$ 50,00.
Foto de Jaime Batista da Silva
Foto de Jaime Batista da Silva
Foto de Jaime Batista da Silva

Espaço reservado em barracas vazias na praia central de Balneário Camboriú.
Foto de Jaime Batista da Silva
Foto de Jaime Batista da Silva
Foto de Jaime Batista da Silva

9 comentários:

Anônimo disse...

e ninguém vai fazer nada...vão pagar e ficar quietinho ainda...e viva o Brasil da robalheira...

Anônimo disse...

isso pode? alugar um espaço público para os próprios interesses? Não seriam os "flanelinhas" da praia?

Ricosantos disse...

É Balneário Camboriú, a especulação imobiliaria se expande até as areias da praia central. Cade a fiscalização municipal, isto é espaço público sendo privativado pelo mais esperto.

Ricosantos disse...

É Balneário Camboriú, a especulação imobiliaria se expande até as areias da praia central. Cade a fiscalização municipal, isto é espaço público sendo privativado pelo mais esperto.

Mariley Freire disse...

cade o prefeito dessa cidade

Mariley Freire disse...


cade o prefeito dessa cidade?

Mariley Freire disse...

cade o prefeito dessa cidade

Charlesbnu disse...

Por mais que a fiscalização seja ineficiente, que isto acontece pura e simplesmente pela inatividade do poder público daquela localidade, existe também uma maneira bem simples de se resolver isso: Ninguém aluga barraca nenhuma ! Deixa os caras a ver navios, ou melhor, os fogos sem ganhar um tostão !

Não estive em BC, mas tenho certeza que todas estavam alugadas, e digo mais, se o preço fosse 250, 500 reais, iriam ser alugadas da mesma maneira !

Viva o Brasil, como diria meu pai, somos penta !

Charlesbnu disse...

Por mais que a fiscalização seja ineficiente, que isto acontece pura e simplesmente pela inatividade do poder público daquela localidade, existe também uma maneira bem simples de se resolver isso: Ninguém aluga barraca nenhuma ! Deixa os caras a ver navios, ou melhor, os fogos sem ganhar um tostão !

Não estive em BC, mas tenho certeza que todas estavam alugadas, e digo mais, se o preço fosse 250, 500 reais, iriam ser alugadas da mesma maneira !

Viva o Brasil, como diria meu pai, somos penta !